NOTÍCIAS

CineLetras apresenta o cinema como prática educativa e reúne acadêmicos da Católica

01 de Abril de 2019 11:00

O projeto de extensão “Letras: Artes e Ciência” da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), promoveu, na sexta-feira (29), a primeira edição do CineLetras — iniciativa voltada para apresentar o cinema como uma prática educativa, proporcionando o diálogo entre os conteúdos curriculares e o conhecimento de mundo.

Para o primeiro debate, organizado pela professora Me. Angela Cristina Catonio, o filme assistido e discutido foi a produção chinesa dirigida pelo diretor Yimou Zhang: “Nenhum a menos” (Yi ge dou bu neng shao). A história aborda a vida da adolescente Wei, de 13 anos, que precisa substituir um professor da escola primária de uma pequena aldeia rural em Shuiquan, mesmo sem experiência alguma na arte de lecionar.

Aberta para o público acadêmico e para a comunidade em geral, de acordo com a professora Angela, a sessão teve o propósito de “realizar reflexões entre os sistemas de signos que envolvem o discurso cinematográfico em seus mais variados aspectos: discursos implícitos, questões sociais, valores pessoais, dentre outros”.

O CineLetras será realizado uma vez por mês, não só no campus Tamandaré, mas também em instituições parceiras do projeto como o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) e a Escola Estadual Joaquim Murtinho.

Texto sob supervisão de Natalie Malulei.

MAIS NOTÍCIAS