NOTÍCIAS

Curso de Psicologia da UCDB faz acolhida de calouros

05 de Maio de 2021 07:23

Acadêmicos do primeiro semestre do curso de Psicologia da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) realizaram nesta terça-feira (4) acolhida para parte dos calouros. Os demais alunos serão recepcionados no próximo sábado (8) e na terça-feira (11). 

“Esta é uma maneira que encontramos para os acadêmicos do primeiro semestre conhecerem o espaço e serem acolhidos como ingressante da Universidade”, destacou a coordenadora do curso de Psicologia, Flávia Feroldi.

O encontro foi organizado pela professora do curso, Dra. Heloísa Grubits, que acompanhou o tour pela Universidade, juntamente com o representante da equipe da área de relacionamento, o Ser. “Eles conheceram os trabalhos de extensão oferecidos gratuitamente à população pela Clínica-Escola, ginásio, acadêmia-escola, laboratórios do biossaúde, Pátio UCDB, a biblioteca e o bosque e a Paróquia Universitária Dom Bosco. No bloco B, onde normalmente funciona o curso de Psicologia, os alunos conheceram os dois laboratórios, na qual vão realizar as aulas práticas, com turmas divididas respeitando os protocolos de biossegurança”, contou a professora.

Para a acadêmica Maria Luiza Giolan, que havia vindo apenas uma vez na Instituição, essa foi a oportunidade de conhecer os diferentes setores que uma universidade possui, que além do ensino de qualidade, realiza pesquisa, projetos e programas de extensão e a pastoral universitária. “O que mais me chamou a atenção foi a clínica de Fisioterapia. Estou adorando o curso, pois sempre quis faê-lo”.

Já a caloura Rebeca Rissette Franco, conta que teve a oportunidade de conhecer a Católica no Dia de Campus - ação realizada para apresentar aos alunos do ensino médio um pouco do que a Universidade oferece. “Gostei muito de me familiarizar com a Instituição, conhecer o local”.

Além de colega de sala, a missionária Raquel Priscila Rissette Franco, 55 anos, também é mãe da Rebeca e trabalha com idoso. Formada em Teologia e Pedagogia, especialista em Psicopedagogia e mestrado em Educação Intercultural (Espanha), ela conta que a pandemia a estimulou a realizar um sonho antigo, o de cursar Psicologia. “Eu tive covid-19 e senti os reflexos que ela causa, vejo que o campo nessa área será muito requisitado. Estou prestes a me aposentar, mas não quero deixar de trabalhar. Então sempre me questiono como estaremos daqui a cinco anos”, ressaltou. A filha completou ainda que é um orgulho poder ter ela como colega de turma.

Para encerrar a acolhida, os alunos foram recebidos na igreja com música pela equipe de Pastoral da Católica, que fez dinâmicas e também falou da importância da pastoral na formação dos futuros psicólogos. Mais informações pelo telefone (67) 3312-3605.  

MAIS NOTÍCIAS