NOTÍCIAS

Egressos da UCDB conquistam vagas em programas de residência multiprofissional

05 de Março de 2021 08:56

Quatro egressos da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) acabam de iniciar em diferentes programas de residência multiprofissional, muito concorridos, o que mostra a qualidade do ensino salesiano nos diversos cursos de graduação. 

Dentre as profissionais de Educação Física inscritas na seleção do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde da Família 2021 da Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande (Sesau) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), por meio do do Projeto Laboratório de Inovação na  Atenção Primária à Saúde (Inovaaps), as egressas de Educação Física Giovana Gewehr e Jéssika Nogueira, ambas da UCDB, conquistaram as vagas.

“Iremos  atuar enquanto profissional de educação física dentro da saúde pública, mais especificamente em uma Unidade de Saúde da Família. É um contrato com o tempo determinado de dois anos e que no final dessa residência receberemos o título de especialista em saúde pública”, destacou a egressa Giovana Gewehr.

O resultado do processo seletivo saiu na última semana de fevereiro e desde o início desta semana começaram a atuar. “Essa conquista representa uma oportunidade de crescimento humano e profissional, humano por lidar com pessoas em situações delicadas onde precisarei me adaptar para entender elas, e profissional pois ao me deparar com outra realidade poderei ampliar o leque de conhecimento. Significa também a vitória do espaço da Educação Física na área da saúde e isso sem dúvidas é o mais importante e gratificante. Representa também que tudo o que meus professores me ensinaram, me instigaram a descobrir, valeu a pena, pois essa conquista não é só minha, é deles também, pois sem eles eu não estaria aqui”, contou Jéssika Nogueira, que vai atuar em parceria com outros profissionais da saúde no atendimento dos usuários das Unidades de Saúde da Família. 

Desde 1997, com a publicação da resolução 218 do Conselho Nacional de Saúde, a Educação Física foi  reconhecida como integrante da área da saúde. E no ano passado os profissionais de Educação Física também foram reconhecidos pela Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), como profissional de Educação Física na saúde. “As mudanças trazidas pelo estilo de vida moderno, com muito sedentarismo e altos níveis de stress enfatizam cada vez mais a importância do profissional de Educação Física com uma boa formação em saúde para atuar, não apenas no nível individual, mas também populacional, como acontecem as ações de atenção básica no Sistema Ùnico de Saúde. Na UCDB os acadêmicos de todos os cursos da saúde fazem parte do eixo chamado Ciências da Vida, no qual, desde o primeiro semestre, os acadêmicos de bacharelado em Educação física cursam disciplinas com acadêmicos de outros cursos da saúde, já em uma perspectiva interdisciplinar, que trarão uma formação sólida para atuar em saúde coletiva”, destaca a coordenadora do curso de Educação Física, Fabiana Rabacow.

Ela destaca ainda que na grade do curso os acadêmicos contam com a disciplina ‘Epidemiologia da Atividade Física’, que atualiza diretamente sobre o papel deste profissional no âmbito da saúde pública. “Nossa formação é pensada para as atuais necessidades do mercado de trabalho, e um dos reflexo disso foi a aprovação de nossas egressas em primeiro e segundo lugar, preenchendo as duas únicas vagas para essa área oferecida no Programa de Residência Multiprofissional Sesau/Fiocruz”, comemora a conquista das egressas que acabaram de colar grau no mês passado.

Tarson Landolfi, egresso em Fisioterapia na UCDB, foi aprovado no Programa de Residência Multiprofissional em Cuidados Continuados Integrados do Hospital São Julião para o ciclo 2021-2022. “Essa conquista representa muita coisa em minha vida, primeiramente é um processo seletivo muito concorrido pela excelência do programa. E ainda vir em meio a todo esse cenário de pandemia foi ainda mais significativo. A ucdb agrega um diferencial muito importante em nossa formação, pois desde os primeiros anos dos cursos da saúde já temos aulas e trabalhos em equipe multiprofissional, tornando o diálogo e a divisão do trabalho bem mais natural. Todas as grandes residências em saúde atuam desta forma”, explica o egresso.

Depois de um ano de muitas incertezas por conta da pandemia, a egressa de Fisioterapia, Andressa Brito, fala do grande sonho que foi ser admitida no  Programa de Residência Multiprofissional em atenção ao paciente crítico (Humap/MS). “Desde o terceiro ano de graduação meus olhos brilham pela residência multifuncional, e no meu último ano de graduação passei por um momento de muito medo e preocupação, pois achei que não conseguiria realizar esse sonho tão esperado assim que concluísse a graduação, devido à pandemia. Mas eu não desisti, realizei a prova de seleção da residência multiprofissional em atenção ao paciente crítico do humap/MS e em dezembro recebi a notícia que tinha sido classificada em terceiro lugar de apenas 4 vagas. Fiquei extremamente feliz e meus professores, coordenadora de curso e a UCDB me apoiaram em cada etapa, fazendo todo o possível pra que  esse sonho pudesse ser realizado. Hoje estou muito feliz e realizada, pois conquistei um dos meus maiores sonhos. Sou fisioterapeuta residente! Sempre serei grata a todos meus professores e a minha amada Universidade por todo apoio”, enfatizou a egressa.

MAIS NOTÍCIAS