NOTÍCIAS

Importância da preservação da água é o tema de palestras realizadas na UCDB

22 de Março de 2022 09:38

Preservar e usar com consciência a água foram os pontos de reflexão das palestras promovidas pela Agência Mais Comunicação, em parceria com o projeto de extensão Click Verde, da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), nesta terça-feira (22), no auditório do bloco B, no Dia Mundial da Água. O evento reuniu acadêmicos dos cursos de Publicidade e Propaganda, Jornalismo e Ciências Biológicas, além de professores e coordenadores de cursos.

A empreendedora e egressa da UCDB Ariadne Barbosa Gonçalves, fundadora da BR Gardens, abordou em sua palestra a importância da preservação do bem hidrído. “No Dia Mundial da Água é preciso relembrar que no Brasil temos água em abundância, mas em outros países é escassa. Por isso precisamos preservar, pois nosso país é fonte de água para produção alimentícia que roda o mundo, além de preservar nascentes e cuidar da mata ciliar para não termos erosão. Uma maneira de colaborarmos com a produção de água é reflorestando”, destacou.

Ela também observou que para toda a produção não só alimentícia vai o uso da água, citando como exemplo um smartphone que gasta 12,7 mil litros de água na sua produção até chegar ao consumidor. A BR Gardens produz mudas nativas para diversas finalidades, desde alimentícia, apícola, medicinal, paisagística, reflorestamento e urbanística. 

Já Ana Cristina Franzoloso, da empresa Du Bem, abordou a importância dos produtos de consumo serem sustentáveis. “Nós estamos em um planeta com sete bilhões de pessoas, então não tem jeito de dar certo se não tivermos um consumo responsável. Precisamos mudar algumas atitudes do consumo diário”, ressaltou a empreendedora. 

Para ela reutilizar alguns resíduos, como o óleo de cozinha para produzir sabão, é uma maneira de preservar o meio ambiente. A Du Bem, por sua vez, ensina novos empreendedores a produzir e comercializar produtos sustentáveis, enfocando na educação, empoderamento e empreendedorismo sustentável.

O professor Eduardo Biagi aproveitou para reforçar que “a comunicação é uma parte muito importante no processo de preservação do meio ambiente e que a população precisa estar pré-disposta a mudar as atitudes”. 

MAIS NOTÍCIAS