NOTÍCIAS

Mestranda estuda a importância do Marco para a formação da memória artística de MS

22 de Fevereiro de 2019 13:00

O Museu de Arte Contemporânea (Marco), localizado na rua Antônio Maria Coelho em Campo Grande, foi o objeto de estudo de Mariana Rodrigues de Oliveira, mestranda do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Local da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB). Na tarde desta quinta-feira (21), a discente apresentou a dissertação desenvolvida durante o curso à banca avaliadora na sala de defesa do bloco D, no campus Tamandaré.

Segundo Mariana, por ser um local de produção, incentivo e preservação da arte, o museu contribuiu muito para a formação da memória artística e cultural sul-mato-grossense. “Quando foi construído em 1991, o conceito de museu estático havia sido abandonado e o Marco veio com a proposta de acompanhar a comunidade e modificar a antiga compreensão de arte. Tanto que além dos espaços para exposições artísticas, há um setor educativo, voltado para cursos e oficinas; um ateliê próprio para a execução de técnicas de gravura e também um auditório onde são realizados eventos e a exibição de filmes por meio do ‘Cinemarco’”, pontuou a mestranda.

Junto com a abordagem histórica do museu, Mariana fez um levantamento dos acervos temporário e de longa duração, além de analisar o perfil dos visitantes e o envolvimento deles com o local. “O público mais presente no Marco são jovens de 18 a 30 anos com escolaridade alta — na maioria, pós-graduação. Por meio das redes sociais do museu foi enviado um questionário para quem esteve no espaço e, a partir das entrevistas, consegui identificar que as pessoas reconhecem o local como pertencimento, mas também percebem as problemáticas como a falta de investimentos por parte do poder público”, concluiu a discente.

Participaram da banca avaliadora a orientadora da dissertação, Dra. Maria Augusta de Castilho, e as docentes da Católica Dra. Arlinda Cantero Dorsa e a Dra. Denise Abrão Nachif. Mais informações sobre o Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Local podem ser obtidas por meio do número (67) 3312-3612.

MAIS NOTÍCIAS