NOTÍCIAS

Professor da UCDB é um dos cientistas mais influentes do mundo

18 de Novembro de 2020 10:59

 

Professor da Universidade Católica Dom Bosco Dr. Octávio Luiz Franco é top 100.000 no ranking mundial de cientistas de acordo com o Journal Plos Biology. Somente 254 profissionais do Brasil constam no levantamento, sendo apenas dois de Mato Grosso do Sul: Octávio Franco e Dr. André Aptroot.

O ranking internacional foi feito pela Universidade de Stanford (Estados Unidos) e apode ser acessado no link. Foram analisadas as citações dos autores na base de dados Scopus, que leva em conta o impacto da carreira e em um único ano (2019).

Com base no levantamento mundial, o blog “Ciência que nós Fazemos” separou apenas os pesquisadores de instituições brasileiras e o resultado foram 254 nomes de expoentes da ciência no País que contribuem para o desenvolvimento de tantos produtos.

Octávio é biólogo, professor do Programa de Mestrado e Doutorado em Biotecnologia e coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia Bioinspir, sediado na UCDB, que desenvolve cerca de 20 pesquisas de produção de medicamentos de uso veterinário. Suas pesquisas concentram-se em bioprodutos e bioprocessos. Neste ano, o pesquisador atingiu o nível de pesquisador 1A pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) — a mais alta classificação existente no País. De 2016 a 2019, o pesquisador teve 140 artigos publicados, orientou 60 alunos desde a iniciação científica até o pós-doutorado, e produziu dez patentes.

“Recebi com muita surpresa e alegria esse resultado. É legal ver que temos uma possibilidade de contribuir e influenciar pessoas do mundo inteiro. Sou um dos poucos que conseguiu chegar nesse ranking antes dos 45 anos e é resultado de um trabalho que nos enche de orgulho”, avaliou o pesquisador.

Currículo

Octávio Luiz Franco possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Ceará (1998) e doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular) pela Universidade de Brasília (2001). Fez três cursos de pós-doutorado nas seguintes instituições: University of British Columbia, no Canadá (2014), University of Edinburgh, na Escócia (2003), e no Centro Nacional de Recursos Genéticos e Biotecnologia da Embrapa, no Brasil (2002).

Atualmente é professor da UCDB e da Universidade Católica de Brasília (UCB), é consultor de 13 órgãos brasileiros voltados para pesquisa e de cinco instituições internacionais. Octávio possui experiência na área de bioquímica proteomica e modelagem molecular, com ênfase em bioquímica de proteínas. Atua, principalmente, nos seguintes temas: peptídeos antimicrobianos, imunomoduladores, anticongelantes e análises proteomicas animais, vegetais e de microorganismos.

 

MAIS NOTÍCIAS