NOTÍCIAS

Professores da UCDB recebem homenagens da Assembleia Legislativa

20 de Agosto de 2020 08:57

 

Amanhã (21), às 9h, os professores Roberto Figueiredo e Octávio Luiz Franco, da Universidade Católica Dom Bosco, recebem, respectivamente, a Comenda Pedro Pedrossian e a Medalha Darcy Ribeiro, entregues pelo Conselho de Reitores de Instituições de Ensino Superior de Mato Grosso do Sul (Crie-MS) e pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

A solenidade será totalmente online e poderá ser acompanhada nos canais oficiais da casa de leis estadual (TV ALEMS,  YoutubeFacebookRádio ALEMS e aplicativo Assembleia MS). As honrarias são entregues a personalidades que prestaram relevantes serviços no ensino, na pesquisa ou na extensão das IES, e no ensino superior em geral do Estado.

No dia 21 de agosto é comemorado o Dia Estadual do Ensino Superior, instituído pela Lei 5.040/2017. No total, serão homenageadas 14 pessoas, incluindo também o governador Reinaldo Azambuja e o secretário de Estado de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Corrêa Riedel.

UCDB

Graduado em História e mestre em Educação, professor Roberto Figueiredo está na UCDB desde 1982. Desde então, é diretor do grupo teatral Senta que o Leão é Manso, tendo passado a lecionar nos cursos de graduação a partir de 1985. Também coordena a área de Cultura e Arte, composta por mais quatro grupos culturais.

“Ser indicado pela UCDB em um reconhecimento desta envergadura tem dois pontos importantes: primeiro de responsabilidade, pois a seriedade da Instituição no meio universitário do Brasil é inquestionável e tem um corpo de professores que na sua totalidade também merecem esse mérito; o segundo de alegria emocionante de dever cumprido, de que o caminho percorrido nestes 35 anos deu frutos e sim, ainda outros frutos virão.  Tem uma frase de Dom Bosco que acredito se encaixa bem no que eu penso: Educação é coisa do coração, do qual somente Deus pode dar-nos as chaves. A citação se encaixa também no ensino superior. Só tenho a agradecer pela escolha do meu nome”, declarou.

Um dos pesquisadores de maior prestígio em Mato Grosso do Sul é Octávio Luiz Franco, que alcançou a maior qualificação no ranking do CNPq (1A) no fim do ano passado. Biólogo e pós-doutor em Ciências Biológicas e Microbiologia, Octávio lidera uma equipe de cerca de 220 pesquisadores de 18 países que contribuem para o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) Bioinspir, com sede na UCDB. “Tenho focado meu trabalho na identificação de proteínas e suas múltiplas funções, que incluem ação antibactérias, antivirais e até emagrecedoras, por exemplo. Tivemos avanços muito grandes e temos uma série de peptídeos com resultados promissores”, destacou.

Com a pandemia do novo coronavírus, o papel de pesquisadores ganhou reconhecimento e todos podem se beneficiar com isso. “Acho que nós, cientistas, nunca fomos tão valorizados. Todos começaram a enxergar a importância do nosso trabalho, inclusive como uma possibilidade de diminuição dos males da humanidade.

É um prazer perceber que a ciência tem mudado. No Brasil acho que teremos uma melhor valorização dos cientistas e da ciência”, avaliou.

A transmissão da solenidade será aberta a toda comunidade.

 

MAIS NOTÍCIAS